Mondo Paura - Um Blog para Cinéfilos Extremos de Marcelo Carrard


17/09/2010


PROGRAMA CINEMATOGRÁFICO IMPERDÍVEL

INDIE 2010 - MOSTRA DE CINEMA MUNDIAL 

HOJE, DIA 17 

Cinesesc 

A Vingança: uma Visita do Destino Fukushû: Unmei No Hômonsha. Japão, 1997. Direção: Kiyoshi Kurosawa. Com: Sho Aikawa e Daikei Shimizu. 83 min. Não recomendado para menores de 14 anos. Policial que anda desarmado parte numa missão de vingança depois que sua mulher é assassinada. 14h 

Algum Lugar entre Aqui e Agora Somewhere between Here and Now. Bélgica, 2009. Direção: Olivier Boonjing. Com: Lucie Debay, Arieh Worthalter e Anaël Snoek. 74 min. Não recomendado para menores de 14 anos. Um homem e uma mulher prestes a viajar se encontram numa estação em Bruxelas (Bélgica). 15h50 

Mobília Mínima Tiny Furniture. EUA, 2010. Direção: Lena Dunham. Com: Lena Dunham, Laurie Simmons e Grace Dunham. 98 min. Não recomendado para menores de 14 anos. Aura volta para a sua casa em Tribeca depois de se formar em cinema. Ela ocupa o tempo competindo com a sua irmã. 17h20 

Mal dos Trópicos Sud Pralad. Tailândia/França/Alemanha/ Itália, 2004. Direção: Apichatpong Weerasethakul. Com: Sakda Kaewbuadee e Banlop Lomno. 118 min. Não recomendado para menores de 14 anos. O filme narra um caso de amor interrompido entre um soldado e um jovem interiorano. 19h20 

Carisma Karisuma. Japão, 1999. Direção: Kiyoshi Kurosawa. Com: Koji Yakusho, Ikeuchi Hiroyuki e Jun Fubuki. 103 min. Não recomendado para menores de 14 anos. A história gira em torno de uma árvore atacada pelos moradores locais e a luta de um ativista para salvá-la. 21h40 

AMANHÃ, DIA 18 

O Caminho da Serpente Hebi no Michi. Japão, 1998. Direção: Kiyoshi Kurosawa. Com: Sho Aikawa, Ren Osugi e Shun Sugata. 85 min. Não recomendado para menores de 14 anos. Na trama, um homem tenta vingar o assassinato de uma criança. 14h 

Eternamente Sua Sud Sanaeha. Tailândia, 2001. Direção: Apichatpong Weerasethakul. Com: Sa-Gnad Chaiyapan e Jenjira Jansuda. 125 min. Não recomendado para menores de 16 anos. Na floresta, um imigrante birmanês encontra refúgio para declarar seu amor por uma jovem. 15h50 

Hahaha Idem. Coreia do Sul, 2010. Direção: Hong Sangsoo. Com: Sangkyung Kim, Sori Moon e Junsang Yu. 116 min. Não recomendado para menores de 14 anos. A conversa entre um crítico de cinema e um diretor faz relembrar uma viagem do passado. 18h10 

White Material Idem. França, 2009. Direção: Claire Denis. Com: Isabelle Huppert, Nicolas Duvauchelle e Isaach De Bankolé. 100 min. Não recomendado para menores de 14 anos. Numa província devastada pela guerra na África, uma corajosa mulher resiste para assegurar as suas plantações de café. 20h30 

Pulse Kairo. Japão, 2001. Direção: Kiyoshi Kurosawa. Com: Haruhiko Katô, Kumiko Asô e Kurume Arisaka. 118 min. Não recomendado para menores de 14 anos. A morte misteriosa de um jovem analista de sistemas revela a existência de um vírus que se espalha pelos computadores de Tóquio. 22h30 

DOMINGO, DIA 19 

A Garota Mais Feliz do Mundo Cea Mai Fericita Fata Din Lume. Romênia/ Holanda, 2009. Direção: Radu Jude. Com: Andi Vasluianu e Serban Pavlu. 90 min. Não recomendado para menores de 14 anos. Ao ganhar um carro, a jovem Delia trava uma discussão com os seus pais. 13h50 

Ilusões Inúteis Ôinaru gen'ei. Japão, 1999. Direção: Kiyoshi Kurosawa. Com: Shinji Aoyama, Yôko Oguchi e Miako Tadano. 95 min. Não recomendado para menores de 14 anos. Uma funcionária de uma transportadora e um músico tentam preservar o amor. 15h40 

Síndromes e um Século Sang Sattawat. Tailândia/Áustria/França, 2006. Direção: Apichatpong Weerasethakul. Com: Nantarat Sawaddikul e Jaruchai Iamaram. 105 min. Não recomendado para menores de 14 anos. Dois ambientes relacionados à área médica são explorados pelo diretor. 17h30 

Sonata de Tóquio Tôkyô Sonata. Japão, 2008. Direção: Kiyoshi Kurosawa. Com: Teruyuki Kagawa, Kyôko Koizumi e Yû Koyanagi. 119 min. Não recomendado para menores de 14 anos. O filme acompanha a rotina de uma família em que o pai esconde que está desempregado. 19h30 

A Vida durante a Guerra Life During Wartime. EUA, 2009. Direção: Todd Solondz. Com: Ally Sheedy e Shirley Henderson. 98 min. Não recomendado para menores de 16 anos. O diretor aborda de forma incisiva temas como pedofilia e perversão sexual. 21h40 

SEGUNDA, DIA 20 

Se Vire ou que se Dane! - O Roubo Katte Ni Shiyagare!. Japão, 1995. Direção: Kiyoshi Kurosawa . Com: Sho Aikawa e Koyo Maeda. 80 min. Não recomendado para menores de 14 anos. Dois homens se envolvem com integrantes da máfia japonesa e são espancados. 14h 

Cartas do Deserto - Elogio e Lentidão Letters From The Desert. Itália/Índia, 2010. Direção: Michela Occhipinti. 87 min. Não recomendado para menores de 14 anos. A rotina de um homem que entrega cartas no deserto da Índia é retratada no filme. 15h40 

O Assassino Sentimental de Máquinas The Sentimental Engine Slayer. México/ EUA, 2010. Direção: Omar Rodriguez Lopez. Com: Omar Rodriguez Lopez, Tatiana Velazquez e Nomar Rizo. 97 min. Não recomendado para menores de 16 anos. O filme acompanha a vida de um garoto tímido que trabalha como empacotador numa pequena cidade do Texas. 17h30 

Apichatpong - Programa 1 Não recomendado para menores de 14 anos. Serão exibidos os curtas "O Hino" e "Pessoas Luminosas", de Apichatpong Weerasethakul, entre outros. 19h30 

Mutantes, Pornô Punk Feminista Mutantes. França, 2009. Direção: Virginie Despentes. 90 min. Não recomendado para menores de 18 anos. O documentário conta a história de ativistas pró-sexo. 21h30 

TERÇA, DIA 21 

Se Vire ou que se Dane! 2 - A Fuga Katte Ni Shiyagare! Japão, 1995. Direção: Kiyoshi Kurosawa. Com: Sho Aikawa e Koyo Maeda. 80 min. Não recomendado para menores de 14 anos. Dois homens são contratados por um chefão do crime organizado para vigiar a filha. 14h 

Pelas Sombras Through Shadows. Portugal, 2010. Direção: Catarina Mourão. 84 min. Não recomendado para menores de 14 anos. O filme retrata o trabalho da artista Lourdes Castro. 15h40 

Amor e Ódio Lovers of Hate. EUA, 2010. Direção: Bryan Poyser. Com: Chris Doubek, Heather Kafka e Alex Karpovsky. 93 min. Não recomendado para menores de 14 anos. O longa mostra a rivalidade entre dois irmãos. 17h30 

Objeto Misterioso ao Meio-Dia Dokfa Nai Meuman. Tailândia, 2000. Direção: Apichatpong Weerasethakul. Com: Somsri Pinyopol, Duangjai Hiransri e To Hanudomlapr. 83 min. Não recomendado para menores de 14 anos. A partir da história de moradores tailandeses, o diretor construiu uma mistura de documentário e ficção sobre as suas vidas. 19h30 

Doppelgänger Dopperugengâ. Japão, 2003. Direção: Kiyoshi Kurosawa. Com: Yakusho Koji e Nagasaku Hiromi. 107 min. Não recomendado para menores de 14 anos. Um projetista de equipamento mecânico é pressionado por seu chefe. 21h30 

QUARTA, DIA 22 

Se Vire ou que se Dane! 3 - O Saque Ogon Keikaku. Japão, 1996. Direção: Kiyoshi Kurosawa. Com: Sho Aikawa, Koyo Maeda e Hideyo Amamoto. 80 min. Não recomendado para menores de 14 anos. Dois amigos são contratados para tirar um idoso do asilo. 14h 

O Vigia do Subsolo Jigoku No Keibîn. Japão, 1992. Direção: Kiyoshi Kurosawa. Com: Hatsunori Hasegawa e Makiko Kuno. 96 min. Não recomendado para menores de 14 anos. Uma consultora de arte estranha quando funcionários do escritório onde ela trabalha começam a desaparecer. 15h40 

Arrepio na Espinha Spine On Shine. Japão, 2010. Direção: Yasuhisa Yasaku. Com: Mizuki Takaoka e Seiki Katayama. 70 min. Não recomendado para menores de 14 anos. No longa, uma jovem manifesta certa ansiedade com relação à morte no momento em que ganha um traje de luto. 17h40 

Apichatpong - Programa 2 Não recomendado para menores de 14 anos. Serão exibidos na sessão cinco curtas do diretor Apichatpong Weerasethakul, entre eles, "O Hino" e "Malee e o Garoto". 19h10 

Sessão Espírita Séance. Japão, 2000. Direção: Kiyoshi Kurosawa. Com: Koji Yakusho, Jun Fubuki e Tsuyoshi Kusanagi Ittoku. 97 min. Não recomendado para menores de 14 anos. Na trama, um casal entediado com o casamento encontra uma garota vítima de sequestro. 21h10 

QUINTA, DIA 23 

Se Vire ou que se Dane! 4 - A Aposta Gyakuten Keikaku. Japão, 1996. Direção: Kiyoshi Kurosawa. Com: Sho Aikawa, Koyo Maeda e Kenzo Kawarazaki. 80 min. Não recomendado para menores de 14 anos. Yuji quer pagar uma viagem à namorada, mas não tem condições. A situação melhora quando ele encontra uma mala cheia de dinheiro. 14h 

D-Tour Idem. EUA, 2009. Direção: Jim Granato. Com: Evan Farrell e Benjamin Gibbard. 99 min. Não recomendado para menores de 14 anos. O filme acompanha a jornada de um músico que precisa de um transplante de rins. Também será exibido "O Modo Delia". 15h40 

Borboleta Branca White Butterfly. Coreia do Sul, 2009. Direção: Kim Sam-Ryeok. Com: Park Sangyeon e Choe Myogyeon. 90 min. Não recomendado para menores de 14 anos. O longa conta a história de amor entre uma atriz e um garoto que sonha se tornar cineasta. 18h 

Apichatpong - Programa 3 Não recomendado para menores de 14 anos. Integram a sessão cinco curtas do diretor Apichatpong Weerasethakul, entre eles, "Vampiro". 19h50 

Futuro Brilhante Akarui Mirai. Japão, 2003. Direção: Kiyoshi Kurosawa. Com: Jô Odagiri, Tadanobu Asano e Tatsuya Fuji. 93 min. Não recomendado para menores de 14 anos. A vida de dois amigos que trabalham numa fábrica em Tóquio é retratada no filme. 21h40 

Escrito por Marcelo Carrard às 09h19
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

14/09/2010


Winners/Vencedores CINEFANTASY 2010

Features Selection

·    Best Horror Feature

Christopher Roth by Max Sender

 

·    Best Sci-fi Feature

1 by Pater Sparrow

 

·    Best Fantasy Feature

Strigoi by Faye Jackson

 

·    Audience Winner

1st Strigoi by Faye Jackson

 

2nd Dead Hooker in a Trunk by Jen and Sylvia Soska

 

3rd Deathwaltz by Krisztián Károly Köves

 

·    Best Direction

Dark Souls - César Ducasse and Mathieu Peteul

 

·    Best Screenplay

Recortadas - Sebastián Rotztein and Sebastián De Caro

 

·    Best Creature

Evil Angel

 

·    Best Victim

Popatopolis - Julie K. Smith

 

·    Best Villain

Christopher Roth

 

·    Best Make-up

Christopher Roth - Giannetto De Rossi

 

·    Best Special Effects

Christopher Roth - Giovanni Corridori and Stefano Corridori

 

·    Best Soundtrack

Christopher Roth - Claude Samard Polikar

 

 

Short film Selection

 

·    Best Horror Short Film

Quiropterofobia by Fernando Mantelli

 

·    Best Sci-Fi Short Film

La Revelacion by Vincent Diderot

 

·    Best Fantasy Short Film

Coda by Marcos Camargo

 

·    Best Short Animation

Os Anjos do Meio da Praça by Alê Camargo and Camila Carrossine

 

·    Short Audience Winner

1st Deus Irae by Pedro Cristiani

 

2nd Deriva by Ángel Tirado

 

3rd Quiropterofobia by Fernando Mantelli

 

·    Best Short Film Director

A História de Lia – Rubens Mello

 

·    Best Short Film Screenplay

A Língua das Coisas - Alan Minas

 

·    Student Incentive Award

Sorria by Marcos Gonzalez

 

·    Beginner Incentive Award

Aqueles Olhos by Fabiana Sevilha

 

·    Best Short Film Creature

Deus Irae

 

·    Best Short Film Victim 

Um Animal Menor

 

·    Best Short Film Villain

Shrove Tuesday

 

·    Best Short Film Make-up 

Deus Irae

 

·    Best Short Film Special Effects

Shrove Tuesday

 

·    Best Short Film Soundtrack

Tudo Por Um Fio - Ricardo Gilly


Escrito por Marcelo Carrard às 19h08
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

13/09/2010


 

CHRISTOPHER ROTH vence a Competitiva de Longas do CINEFANTASY 2010

 

Ainda não está no ar o resultado  da Competitiva de Curtas, mas como já acabou o Festival agora posso comentar os resultados e os filmes. Além dos bastidores do Cinefantasy.

Bom, na reunião do Júri no sábado após quase uma hora de conversa, nem sempre amigável o tempo todo, se chegou a um resultado após a Direção mudar as instruções q haviam me passado, me deixando meio q com a cara no chão, mas foi tudo muito bem resolvido e tirando os ferimentos com algumas farpas, todos saíram felizes e jantaram sorridentes depois.

CHRISTOPHER ROTH, uma co-produção entre Bélgica e Itália foi merecidamente premiada em CINCO CATEGORIAS: MELHOR FILME DE HORROR, MELHOR MAQUIAGEM, para o veterano GIANNETTO DE ROSSI, colaborador dos Mestres: Joe D’Amato e Lucio Fulci, MELHORES EFEITOS ESPECIAIS, MELHOR VILÃO, MELHOR TRILHA SONORA. O filme remete diretamente aos clássicos da Era de Ouro do Horror Cinematográfico Italiano mesclada a uma releitura muito particular do Horror mais contemporâneo. No elenco se destacam Joaquim de Almeida e Ben Gazarra em uma ponta. O assassinato no banheiro branco é uma aula de estilização cinematográfica, com composição de grande força diegética. Lembra um pouco uma das mortes de STAGE FRIGHT de Michele Soavi. Um grande filme de horror europeu, q muitos amigos perceberam nitidamente as referências ao Horror Cinematográfico Italiano, e não somente eu, como cheguei a ser acusado de maneira arrogante e debochada, aliás quem realmente tem uma boa cultura e sensibilidade cinematográfica, percebe facilmente todas as referêcias trabalhadas pelo jovem e talentoso Max Sander, o Diretor e Roteirista de CHRISTOPHER ROTH.

A MELHOR DIREÇÃO foi para a produção franco-norueguesa: DARK SOULS, um grande filme q reforça a interessante fonte de filmes fantásticos vindos da Escandinávia, embora não tenha um final muito satisfatório.

MELHOR ROTEIRO: RECORTADAS, um interessante “Grindhouse  Argentino” q eu adorei, um filme delicioso, criativo, mais uma vez os hermanos passaram a nossa frente.

MELHOR FILME DE FICÇÃO CIENTÍFICA: O polonês: 1, um dos filmes mais surpreendentes q vi nos últimos anos. Vai muito além da ficção-científica...

MELHOR FILME DE FANTASIA foi para o sensacional STRIGOI, uma Fantasia para Adultos Inteligentes. Uma variação muito interessante do Mito do Vampiro na Romênia, totalmente a parte do Mito de Drácula.

E o Prêmio de MELHOR VÍTIMA: POPATÓPOLIS e sua incauta atriz   nesse maravilhoso documentário q é uma declaração de amor incondicional ao Cinema de Baixo Orçamento q foi um dos mais prazerodos de assistir nesse Cinefantasy.

E a MELHOR CRIATURA foi para EVIL ANGEL.

 

Grandes filmes nessa Seleção Inicial de Longas no CINEFANTASY, com direito a cópias em película 35mm projetadas , uma raridade em Festivais de Cinema Independentes no Brasil, mesmo em Festivais com muita grana. Adorei o húngaro: DEATH WALTZ, me diverti muito com o longa dirigido pelas gêmeas canadenses: DEAD HOOKER IN A TRUNK, q tem momentos isolados surpreendentes, muito bons, mas elas ainda não sabem harmonizar os elementos cinematográficos, ainda estão buscando um estilo, uma marca, com o tempo elas conseguem, pois talento elas tem.

 

Teria muito a falar sobre  a falta total de educação de alguns, pela neurose, pela arrogância, mas quando assumo um compromisso tenho q sabrr lidar com essas coisas, atrás de tanta prepotência e falta de educação muitas vezes existe uma pessoa triste, insegura e com medo...

Mas o q valeu mesmo foi o reencontro com o Rodrigo Aragão e a Mayra, o Leopoldo e a Cris, a Laura e o Caraça, a Liz e o Raphael, o Felipe Guerra, o Milici, o Davi e o Isidoro, o Perrone, entre outros amigos, os papos foram muito bons, sempre aprendo muito com os amigos. Muito Obrigado Edu e Vivi, mais uma vez pela oportunidade e pelo respeito as minhas qualificações profissionais q me tornaram apto a participar do Júri Oficial da Seleção Competitiva de Longas do CINEFANTASY 2010, o respeito é bom e todos gostam.

 

Escrito por Marcelo Carrard às 13h37
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

12/09/2010


 

LA HORDE aka A LEGIÃO DO MAL – Um Novo Clássico dos Zombie Movies que chega da França

 

Devido a problemas de agenda de um dos jurados da Competitiva de Longas do CINEFANTASY 2010, tivemos q fazer a nossa reunião do Júri ontem, em um tradicional restaurante italiano da Rua Augusta, quase ao lado de minha casa. Eu, o Kapel e o Draccon decidimos os vencedores nas categorias: Melhor Filme de Horror, Melhor Filme de Ficção Científica, Melhor Filme de Fantasia, Melhor Direção, Melhor Roteiro, Melhor Ctiatura, Melhor Maquiagem e Melhores Efeitos, Melhor Vítima, Melhor Vilão e Melhor Trilha Sonora. Não posso divulgar ainda pois a Direção do Cinefantasy deve fazer a postagem Oficial no Site amanhã, segunda, mas posso adiantar q um filme levou Cinco Prêmios...

 

Nesse domingo, após aquele almoço reforçado pude saborear uma fina iguaria vinda da França, o filme de zumbis: LA HORDE, q no Brasil foi lançado como A LEGIÃO DO MAL. Esse filme foi premiado em vários festivais de Cinema Fantástico mundo afora e me conquistou pelo seu estilo tenso constante, pelos bons atores, pela direção precisa, pelos efeitos Gore q em nada desapontam os fãs e principalmente por seu amargo niilismo. A trama coloca em um prédio abandonado e prestes a ser demolido, dois grupos distintos: uma gangue de traficantes nigerianos e policiais com a missão de capturá-los. O q se inicia como um tenso e violento filme policial q me remeteu a muitos filmes B dos anos 80, se transforma em uma carneficina quando, do nada, o local é atacado  por um bando de zumbis carniceiros famintos, sem nenhuma explicação lógica. A partir dessa ruptura o filme se transforma em uma disputa constante de poder entre os dois grupos q precisam se unir para escapar do ataque dos mortos vivos...

 

A única personagem feminina do filme se revela tão cruel e vingativa quanto os homens, o q acaba tornando tudo muito mais interessante. Cabeças explodindo, mutilações de todos os tipos vão compondo a odisséia desses heróis em meio a um inferno cada vez mais sufocante. A sequência em q um dos traficantes esmaga repetidas vezes a cabeça de um zumbi em uma pilastra, gritando: “Aqui é nigeriano... aqui é nigeriano...” é muito impactante. Um filme extremo, violento e genuinamente europeu, mesmo com sua formatação Pop em  muitos momentos. O Horror Europeu felizmente está crescendo muito novamente, principalmente em países como a França, a Espanha e regiões como a Escandinávia. LA HORDE é um grande exemplo disso. A fotografia com texturas quase monocromáticas contrasta muito bem com a pele das personagens e principalmente com o sangue. Um filme feito com requintes estilísticos, com roteiro direto, ágil q mantém a atenção do espectador grudada na tela. Vale muito a pena conferir...

 

Escrito por Marcelo Carrard às 17h31
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Perfil

Meu perfil
BRASIL, Sudeste, SAO PAULO, CONSOLACAO, Homem, de 36 a 45 anos, English, Italian, Cinema e vídeo, Arte e cultura
Outro - mcarrard@uol.com.br

Histórico